21.5 C
Brasília

Pai é preso na porta da escola do filho por espancar mãe do menor

Data:

Compartilhe:

Um bilhete entregue na hora certa e recebido nas mãos de quem tem sensibilidade para salvar uma vida foi a ideia de uma mãe que não sabia mais como pedir ajuda para a vida de espancamentos e sofrimento a qual ela e seu filho passavam em Maceió, capital de Alagoas.

Na última segunda-feira (08), uma mulher, de 28 anos, pediu ajuda relatando agressões físicas cometidas pelo seu companheiro em um bilhete entregue no meio de documentos do filho do casal durante a matrícula escolar do menino, realizada na escola estadual Laura Dantas, no bairro do Farol, em Maceió.

A direção da escola acionou a Polícia Militar, que prendeu o acusado em flagrante por violência doméstica.

Mesmo sendo ameaçada para denunciar ela teve a coragem de escrever pedindo ajuda

O bilhete de socorro trazia a seguinte mensagem: “Por favor, me ajude. Estou sendo espancada. Não posso falar. Estou com hematomas na perna e meu filho foi seriamente sofrido (sic) por psicológico. Ele me bateu com o facão. Me ajude, ele não me deixa falar, me ameaça toda hora. Não consigo mais ficar calada, eu me cansei. Não me ignore”.

Segundo o UOL Universa, a vítima entrou na escola junto com o filho, e o homem ficou na porta. Ela entregou o bilhete junto com a documentação à servidora do estado, que saiu e foi até a direção. Imediatamente, a direção da escola acionou a equipe de Policiais Militares do Batalhão de Polícia Escolar, que estava no Centro Educacional de Pesquisa Aplicada. O agressor foi preso ainda na calçada do colégio e não esboçou reação.

A mulher relatou que nos últimos dias tinha sido espancada pelo esposo, inclusive com uso de um facão, e que tudo aconteceu na presença do filho do casal, que segundo ela, está traumatizado. Ela também contou que sofria agressões físicas e era ameaçada constantemente para não procurar a polícia.

No DF, atendentes de farmácias já estão preparados caso veja este sinal de socorro nas mãos
zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

BRB Mobilidade orienta sobre procedimentos para o Passe Livre Estudantil

A relação com os dados dos estudantes regularmente matriculados deve ser repassada mensalmente ao BRB Mobilidade pelas instituições de ensino para a manutenção do...

Policiais da 8ª DP da Estrutural prendem homem que enganou família para abusar de menina com 4 anos

Na última sexta-feira (16/02/24), policiais da 8ª DP prenderam em flagrante umhomem de 45 anos pelo crime de estupro de vulnerável, tendo como vítima...

Zoo Experiência oferece mais 120 vagas para 6 e 7 de março

Participantes devem fazer a inscrição pelo formulário e escolher roteiro da visita O Zoológico de Brasília abriu120 vagas para o Projeto Zoo Experiência. Esta iniciativa,...

Iniciativa que reúne advogadas pretas premiará as melhores profissionais de 2023

No Best Sisters In Law 115 finalistas concorrem a 18 prêmios, divididos por categorias O maior grupo de advogadas pretas do Brasil vai premiar as...

Segurança que matou cliente na porta de bar do Guará II é preso

Marciel de Sousa Barros estava foragido desde a terça-feira passada (13/2), dia do assassinato. Ele foi detido depois de se apresentar na delegacia Marciel de...

1 COMENTÁRIO

  1. É triste e, infelizmente uma realidade.
    Aqui no DF temos o Instituto Umanizzare que acolhe e orienta as vítimas de violência doméstica.
    Lá tem orientação jurídica, psicológia e várias atividades p/ essas vítimas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido