22.5 C
Brasília

Lockdown e toque de recolher por mais mais uma semana, diz Ibaneis Rocha

Data:

Compartilhe:

governador Ibaneis Rocha (MDB) assinou um decreto, que será publicado em edição extra do Diário Oficial do DF (DODF) desta sexta-feira (19/3), prorrogando por mais uma semana as medidas de restrição no Distrito Federal, que terminariam na segunda-feira (22/3).

A informação foi repassada pelo secretário da Casa Civil, Gustavo Rocha, em coletiva de imprensa na tarde desta sexta. Segundo ele, o governador planeja flexibilizar, a partir do dia 29, os horários de funcionamento das atividades, com regras para cada setor.

Academias poderão funcionar das 6h às 21h. Já os shoppings e centros comerciais, das 13h às 21h. As alterações, porém, serão promovidas apenas se os índices atualmente registrados reduzirem – como, por exemplo, a taxa de transmissão do coronavírus. “Àqueles que querem que a vida volte ao normal, é fundamental que respeitem as regras”, alertou Gustavo Rocha.

Gustavo Rocha explicou que a flexibilização seguirá critérios específicos. “Se não houver redução das taxas, ele (Ibaneis) pode decidir pela não abertura. É fundamental que se cumpra as regras”, reforçou.

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, apontou que está havendo uma redução na taxa de isolamento e isso pode refletir em números.

Para reforçar a fiscalização durante o lockdown, o governador Ibaneis Rocha decidiu convocar auditores. Atualmente, segundo o DF Legal, o percentual de obediência às medidas restritivas varia de 94 a 96%. Até o momento, foram feitas 136 mil vistorias e mais de 4 mil abordagens. Além disso, os agentes aplicaram 137 multas, sendo 13 por não uso de máscaras e 10 por desrespeito ao toque de recolher.

Bolsonaro

O secretário da Casa Civil do DF também comentou o fato de o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ter entrado com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando o poder de governadores e prefeitos na imposição de medidas de isolamento social, para tentar frear o contágio pelo novo coronavírus.

“O posicionamento do presidente da República é conhecida por todos. A ação será respondida no STF. O governador tem dito que não tem dúvida sobre a legalidade dos decretos, já que o Supremo se posicionou sobre o tema”, frisou.

Com informações do site Metrópoles

publicidade
zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

Entenda o golpe do Pix errado e saiba como não ser enganado

Criminosos alegam transferência por engano e pedem devolução À medida que o Pix vai sendo cada vez mais utilizado para pagamento e transferência de dinheiro,...

Proteção legal para animais vítimas de maus-tratos no Distrito Federal

Publicado no DODF desta sexta-feira (19), texto proíbe o tratamento dos bichos como objetos e garante tutela jurisdicional em caso de violação de direitos O...

Park Sul tem seu templo regularizado por meio do Programa Igreja Legal

Governador Ibaneis Rocha entregou, na sexta-feira (19), à Mitra Arquidiocesana de Brasília o Contrato de Concessão de Uso Oneroso com Opção de Compra da...

Detran-DF realizará leilão de veículos nos dias 29, 30 e 31

Serão 873 veículos, sendo 388 destinados à circulação e 485 classificados como sucata O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) promoverá nos dias 29,...

Experiência HackaCity Guará 2024 com atividades para impulsionar o futuro da tecnologia na Escola Técnica

Prepare-se para uma experiência única e transformadora nos dias 20 e 21 de julho, a partir das 9h, no Guará. O evento HackaCity promete...

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido