29.5 C
Brasília

Free Fire: Fim de Jogo para golpistas que compravam e vendiam videogames

Data:

Compartilhe:

A PCDF, através da 38ª DP, deflagrou a operação FIM DE JOGO, na última terça-feira (13/07), e desbaratou uma associação criminosa especializada na compra fraudulenta de videogames anunciados em redes sociais e em sites especializados na compra e venda de aparelhos usados.

Durante a operação foram presos em flagrante dois homens, de 20 e 22 anos de idade e residentes em Samambaia e no Sol Nascente. Os autores eram responsáveis por receber e vender os videogames adquiridos ilicitamente pelo grupo criminoso.

Conforme apurado, o líder do grupo reside em São Paulo e cooptou os jovens através do bate papo de um famoso jogo de vídeo game (free fire) e os convenceu a receber e vender os videogames que ele adquiria mediante golpes, sobre a promessa de dividirem o lucro obtido.

Para adquirir os videogames, o líder do grupo habilitava chips com DDD 61 e criava falsos perfis em redes sociais e em aplicativos de mensagens instantâneas, normalmente usando nomes e fotografias de pessoas que integram as forças armadas ou as forças de segurança do DF.

Em seguida, o líder do grupo contatava anunciantes em redes sociais e em sites voltados para a compra e venda de aparelhos usados e se dizia interessado na compra do videogame anunciado. Acreditando que estava tratando com um integrante das forças armadas ou das forças de segurança, a vítima ajustava a venda e recebia um falso comprovante de pagamento (normalmente um agendamento de TED ou uma simulação de PIX). Acreditando que o pagamento havia sido efetuado, a vítima entregava o videogame negociado para um motorista de aplicativo (Uber Fast ou 99 POP), o qual havia sido solicitado pelo líder do grupo.

De posse do aparelho, o motorista de aplicativo o entregava para um dos dois jovens presos durante a operação, os quais ficavam responsáveis por anunciar e vender os videogames adquiridos ilicitamente.

A investigação teve início na última segunda feira (11/07/2021), quando policiais da 38ª DP recuperaram um videogame X BOX ONE S que havia sido adquirido ilicitamente pelo grupo criminoso e que estava sendo revendido por um terceiro de boa fé.

O real proprietário do vídeo game havia o comercializado no dia 06/07/2021, pelo valor de R$ 1500,00 (um mil e quinhentos reais). Na ocasião, o líder do grupo se passou por uma policial militar identificada como SOLDADO TORRES, tendo lhe encaminhado uma falsa TED em nome de tal pessoa. Acreditando no pagamento, a vítima entregou o videogame para o motorista de aplicativo. Duas horas após a compra, o videogame foi vendido pelo jovem de 20 anos, pelo valor de R$ 1.000,00 (um mil reais) para um comprador de boa-fé. Este o anunciou para venda no dia 09/07/2021, tendo o verdadeiro proprietário reconhecido o seu aparelho e informado os fatos aos policiais da 38ª DP no dia 12/07/2021, quando então o aparelho foi apreendido e restituído à vítima.

Desde então, o jovem de 20 anos passou a ser monitorado pelos policiais e, na data de ontem, quando se preparava para vender um videogame Playstation 4, que havia sido fraudulentamente adquirido pelo grupo criminoso na noite do dia 12/07/2021, ele foi preso em flagrante em sua própria residência.

Após a sua prisão, os policiais conseguiram identificar o seu comparsa, o jovem de 22 anos, o qual restou autuado nas proximidades de sua casa.

Os jovens foram presos pelos crimes de receptação qualificada e associação criminosa, cujas penas, somadas, podem alcançar os 11 anos de prisão.

Eles ainda serão investigados pelos crimes de falsa identidade, uso de documentos falsos e estelionato.

A investigação prossegue visando a identificação do proprietário do videogame encontrado em poder dos autores e do líder do grupo criminoso.

oram encontradas outras 11 ocorrências de estelionato perpetrados pelos autores.

Acredita-se que eles estejam atuando no Distrito Federal desde março deste ano e que muitas outras pessoas tenham sido vítimas de seus golpes.

Em outros golpes, os autores se identificaram como Soldado ALANE (PMDF), TIAGO DA COSTA RODRIGUES (militar do exército), RONALDO ALVOS CHAGAS (sargento da PM) e JÚNIOR PINHEIRO DE SOUSA (soldado da PM).

*Com informações da 38º DP

zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

Plano de Arborização é lançado no Guará pelo governador Ibaneis Rocha

Lançado na manhã deste sábado (24) pelo governador Ibaneis Rocha, plano ambiental teve início pelas quadras QEs 48 a 52 do Guará II O Governo...

Veículo roubado no Guará I foi recuperado pela PMDF na Estrutural

Os bandidos não tiveram tempo de desfrutar do produto do roubo que realizaram no Guará, na última sexta-feira, 23/02. A operação conjunta entre...

Novo pavilhão de salas de aula no Guará em fase de conclusão das obras

Fui ver, de perto, as novas instalações que estão sendo construídas dentro da Escola Classe 08, localizada na entrequadra 28/30, com início das aulas...

Programa Fábrica Social tem inscrições abertas até 13 de março

Podem participar jovens a partir de 16 anos que comprovem algumas condições, como renda familiar per capita de até R$ 200 Por meio da Secretaria...

Fluminense: derrota merecida

Por Raimundo Ribeiro O Fluminense subiu o morro para enfrentar a LDU, no primeiro jogo valendo o título da recopa sul americana.Ainda se adaptando a...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido