Guará Park fica sem energia com sobrecarga dos dias de calor

4
952

Ventiladores ligados 24horas, ar-condicionado e umidificadores idem, geladeiras e freezers sendo abertos a todo instante, sem contar com a utilização normal dos aparelhos eletrônicos dentro de uma residência, fizeram com que nos últimos dias a Colônia Agrícola Águas Claras ficasse por muitas horas e dias sem energia. o fato causou estranheza junto à comunidade, principalmente pela perda dos alimentos e produtos perecíveis.

Acionada, pelos 5 condomínios que ficaram nesta luta, a prefeita comunitária Tania Coelho correu atrás do prejuízo junto à CEB. Ligou, enviou ofício e passou horas no tele atendimento da central de energia do DF, o 116. A resposta das atendentes quase sempre a mesma: sobrecarga no sistema devido ao intenso calor dos últimos dias, sem previsão de retorno da energia.

Com este calor os moradores estão perdendo alimentos como carnes, verduras e frutas

Tania Coelho foi literalmente para às ruas esperar a visita dos técnicos que religaram à luz na região. Entre outros fatores alegaram que a queda constante de energia se deve a existência de muitas gambiarras, os chamados “gatos” , dos que não pagam pelos serviços da CEB e mesmo assim os consomem, prejudicando o fornecimento ideal, sem a recorrente queda e interrupções. Ou seja, os transformadores instalados próximo às chácaras 56 e 57, estão com a capacidade oficial de energia para a região.

Então, o problema está afetando a vida de centenas de moradores da região e a prefeitura Comunitária está em busca da s soluções. Ontem à noite, religou. Vamos ver como se comportam os transformadores neste final de semana com feriadão.

4 COMENTÁRIOS

  1. Gostaria de deixar bem claro que essas informações obtidas da CEB não vieram da Tânia. E quem está correndo atrás são os próprios condôminos com várias denúncias, chamados junto a CEB e ficando até tarde esperando para obter informações.

  2. Com relação ao pronunciamento do anónimo, digo que é totalmente irrelevante, uma vez que a comunidade realmente protocola suas reclamações, porém a prefeitura comunitária através da sua representante encaminhou oficio no dia 30 de setembro oficio 5/2020. a ceb solicitando providências.
    Salientamos que todas as demandas da nossa comunidade são oficialmente protocoladas, seja para a administração Regional do Guará ou para qualquer órgão do Governo de Brasília, solicitando providências das nossas demandas.
    Gostaria de incluir nessa resposta que hoje a administração do Guará, atendendo a uma solicitação feita a 5 meses atrás está soldando/recuperando a nossa passarela..tudo por meio de solicitação desta prefeitura.
    Tania Coelho.

  3. Meu voto vc não tem mais. Posso ficar aqui o dia inteiro detalhando como estamos muito mal representados. Mas não vou perder meu tempo pq todos estão vendo. Aproveitando o espaço… Tânia, tem como solicitar o fechamento dos buracos? Acho que não né? Da última vez colocaram terra na rua.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui