Polícia Civil entra na “briga de galo” em Brazlândia

0
2685

Na tarde de hoje(15.10.2020), policiais da 18ª DP deflagraram a operação “Gallus” e resgataram 55 galos da raça “índio” em uma chácara situada em Brazlândia/DF. Os animais eram utilizados em rinhas no DF.

Alguns dos espécimes possuíam lesões na cabeça e no peito, lesões estas comprovatórias das brigas que lhe foram impostas.

Animais eram confinados e preparados para as lutas que tinham centenas de pessoas

Os galos estavam acondicionados em gaiolas estreitas, com pouca ventilação, sujas e que não atendiam as normas sanitárias.

Os treinamentos pelos quais esses animais passam envolvem abusos físicos e ferimentos, nada mais sendo do que uma vida de sofrimento e dor para o destino de lesões e morte.

Outra característica das rinhas realizadas é o uso de tambor, luvas e esporas nos animais para lhes conferir força e resistência em combate.

Confinados á espera do público que gosta de frequentar uma rinha de galos

O tutor dos animais, um homem de 39 anos, está preso pelo crime de tráfico de drogas e, além desse delito, restou indiciado pelo crime de maus-tratos, estando sujeito a uma pena de detenção, de três meses a um ano, por cada animal abusado. Maus tratos aos animais teve pena aumentada no mês de outubro, através de lei sancionada pelo presidente Bolsonaro. Disque Denúncia 197, seu sigilo será preservado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui