Clínica da Dor: onde se cura o sofrimento no Hospital de Base

0
1333

Há 20 anos, alguns médicos que trabalhavam no Hospital de Base (HB) perceberam que o HB precisava oferecer aos pacientes mais do que consultas, exames, medicamentos e cirurgias. Era importante tratar também a dor e o sofrimento. Amenizar e controlar esses sintomas poderia ser um bom remédio para dar confiança, fortalecer a esperança, melhorar a auto estima e a qualidade de vida dos pacientes. Assim foi criada a Clínica da Dor do Hospital de Base.

A Clínica da Dor é um local de atendimento à saúde voltado exclusivamente para o tratamento dos mais diversos tipos de dores crônicas persistentes causadas por diferentes enfermidades. É o único local desse tipo na rede pública do DF. Os pacientes são encaminhados para lá pelas unidades administradas pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), como o próprio HB, o Hospital de Santa Maria e as seis unidades de pronto atendimento (UPAs), além de outros hospitais públicos e eventualmente de unidades particulares.

Um dos fundadores da clínica, Robert Sabino explica que as dores são tratadas com medicamentos por via oral, infiltrações e bloqueios analgésicos. Contudo, é o tratamento da alma que motiva o paciente a prosseguir. “Os analgésicos aliviam a dor”, explica Robert, que também é acupunturiatra. “Mas é o tratamento psicológico, social, humanizado que faz com que o paciente se sinta bem como um todo.”

Os dois profissionais que hoje atendem na Clínica da Dor almejam um dia ter um centro interdisciplinar de atenção a esses pacientes e, desta forma, oferecer um tratamento integral: clínico, físico (reabilitação) e psicológico. Para tanto, eles enfatizam, é indispensável o apoio de outros profissionais de saúde, como fisioterapeutas, psicólogos, terapeutas ocupacionais e assistentes sociais.

Serviço

Clínica da Dor
Térreo do Hospital de Base (ao lado da Ala dos Voluntários)
Atende por meio de encaminhamento médico
Telefones: (61) 3550-8806 e (61) 3550-8834

*Com informações do Iges-DF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui