20.5 C
Brasília

A chapa esquentou na QE 38 do Guará II e 3 pessoas foram esfaqueadas

Data:

Compartilhe:

Uma briga entre vizinhos terminou com três pessoas esfaqueadas na madrugada desta segunda-feira (24/5), no Guará 2. O caso aconteceu em um prédio no conjunto 6, da QE 38, por volta da 0h30. De acordo com a Polícia Civil, o barulho durante uma confraternização em um dos apartamentos teria motivado o desentendimento.

A confusão teve início quando a Polícia Militar foi acionada após uma reclamação de barulho, vindo de um apartamento onde alguns envolvidos confraternizavam. Os policiais atenderam ao chamado, mas deixaram o local após aparente entendimento entre as partes.

Os vizinhos, no entanto, teriam voltado a discutir após a saída da PM. A discussão tornou-se uma briga, envolvendo oito pessoas, e três delas foram esfaqueadas.

A PM retornou ao local e, em seguida, compareceu à 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) apresentando dois homens, de 22 e 28 anos, envolvidos na briga, e informando que outros dois, 23 e 28, também incluídos na situação, estavam sendo atendidos no Hospital de Base.

Uma das vítimas teve perfuração superficial no crânio e a segunda, além de ferimentos na cabeça, apresentou cortes superficiais no ombro direito, no tórax e na mão esquerda. Os dois jovens estavam conscientes, orientados e estáveis.

*Com informações do Correio Braziliense

publicidade
zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

GDF atualiza cálculo e barateia cobrança do preço público em ocupação de puxadinhos

Novo cálculo para todo o DF é o mesmo para o Plano Piloto e torna mais barato o valor a ser pago O GDF atualizou...

Ceilândia celebra o forró Pé de Serra na Casa do Cantador

A cultura nordestina atrai forrozeiros de todas as idades com uma experiência imersiva no ritmo, patrimônio cultural do Brasil Neste sábado, 13 de julho, o...

Carreta da Inclusão sai do Guará direto para o Recanto das Emas para atender pessoas com deficiência

Guará foi escolhido como ponto de partida do projeto, cujo objetivo é facilitar o acesso dessa população a políticas públicas do GDF Pessoas com deficiência...

Projeto de Lei quer “blindar” educação básica pública contra privatização

Texto também alerta sobre os riscos do aprofundamento das desigualdades de ensino e da ameaça à transparência no uso dos recursos públicos na educação O...

Policial penal da Papuda vai preso por integrar célula criminosa dentro da prisão

A Polícia Civil do Distrito Federal, por meio da Delegacia de Repressão ao CrimeOrganizado (DRACO), vinculada ao Departamento de Combate à Corrupção e ao...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido