Salões de beleza e estética fechados há mais de 70 dias pedem reabertura das atividades

6
1169

Uma das categorias que vem sofrendo de frente os impactos do isolamento social com o fechamento das atividades comerciais, devido à pandemia do coronavírus, os trabalhadores em salões de beleza e centros estéticos, como manicures, pedicures, barbeiros,cabeleireiros, acupunturistas, e massagistas estão à beira de um ataque de nervos. Muitos, para sobreviveram estão atendendo com portas fechadas ou à domicílio. Qual ação é menos danosa à saúde? Atender com hora marcada e com todos os item de higiene, com portas abertas e o ar circulando ou continuar, de forma ilegal, atender com portas fechadas? Sei que ficar sem a devida higienização, como a depilação não está fácil para ninguém.

A prática da acupuntura também foi atingida.Como aliviar as dores?

Atendendo inúmeros pedidos dessa categoria no Distrito Federal, no dia 4 de junho, o deputado Demasso (Republicanos-DF) pediu novamente ao secretário de Estado-Chefe da Casa Civil do DF, Valdetário Andrade Monteiro, a reabertura dos estabelecimentos comerciais do segmento da beleza da cidade. Através do Ofício nº 214/2020, o parlamentar reforçou o pedido feito anteriormente, no dia 14 de abril.

Delmasso acredita que os salões de beleza podem reabrir atendendo todas as normas de higiene e segurança

“Ante todo exposto e aproveitando a ocasião de reabertura de diversos estabelecimentos comerciais no DF, solicito que seja revisto o pedido de reabertura do referido segmento, justificado pelos motivos expostos anteriormente. Vale ressaltar, o compromisso dos profissionais na participação de maneira ativa com as normas de segurança e saúde pública, tentando assim minimizar o impacto negativo econômico das 70 mil famílias atingidas no ramo”, enfatiza o deputado Delmasso, em trecho do ofício. Aguardemos ansiosos uma tomada de decisão governamental.

Breno Rodrigue foi eleito em um evento virtual nesta última segunda-feira.Veja mais fotos no instagram @celebreproducoesoficial

A professora e ativista de moda Juliana Campos, da Célebre Produções, acredita que a dinamização das redes sociais é uma maneira de reinventar. “Percebo que a união da moda e da beleza é essencial nesse momento para sobreviver nesse momento de crise instalada devido a Covid-19. Quando reabertos, os salões maiores e com mais estrutura financeira podem alugar cadeiras e salas para os profissionais que tiveram que fechar seu próprio negócio.Não podemos nos deixar abater e perder as esperanças.Temos um aliado importante nesse momento que são os eventos virtuais. Conseguimos fazer um evento virtual nacional, ontem 8/06, sob a direção de Leandro Anthony com bastante público para elegermos o Mister Brasil Celebrity 2020, Breno Rodrigues, 38 anos, militar que é do Distrito Federal”, incentiva a produtora de moda.

6 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui