21.5 C
Brasília

Modelos de Brasília vão à delegacia denunciar fotógrafo por assédio sexual e moral

Data:

Compartilhe:

O que era par ser mais um degrau na carreira de modelo da jovem Jeniffer Melina Mendes Meneses, 24 anos, se tornou um pesadelo em via de se tornar uma depressão. Tudo começou quando foi contatada pelo fotógrafo Antônio Pinto Pereira Júnior, via redes sociais, da Grua Estúdio e Escola de Fotografia, localizada em Águas Claras. A jovem relata que ficou bastante empolgada e entusiasmada, mas que logo no primeiro contato o fotógrafo exigiu que ela tirasse várias fotos totalmente nua, na primeira avaliação do corpo. Segundo ele, para ficar no arquivo e portfólio. Mesmo estranhando tal atitude decidiu seguir em frente.

As redes sociais da Grua Escola de Fotografia passa credibilidade por ter mais de 50 mil seguidores e por estar no mercado de fotografia desde 2008, ou seja mais de uma década de serviços na área de de fotografia de rua, book de moda e produção e fotografia de rua. Um mix de escola e agenciamento de modelos para serem inseridas no mercado publicitário e de moda.

Para a jovem em questão, uma das denunciantes, ele ofereceu muito dinheiro e promessas de muitas garantias de vários trabalhos, bem como a acessos gratuitos a salão de beleza para cuidar dos cabelos. A matriculou em uma academia para que seu glúteo aumentasse e só pagou a primeira mensalidade. Paralelo aos trabalhos o assédio sexual teve início. E Jennifer sempre se esquivando. “Preciso conhecer cada centímetro do seu corpo para poder vendê-lo bem. Este é o meu trabalho”, era uma das alegações ao tocar os seios das modelos. Quando o fotógrafo percebeu que com ela nada conseguiria, optou por cancelar o contrato, via e-mail.

Com pouca coragem para denunciar os assédios, Jennifer decidiu colher o maior número de provas possíveis e começou a fazer contato com outras modelos agenciadas pelo mesmo fotógrafo. E juntas, as três foram à Delegacia da Mulher do Distrito Federal, formalizar a denúncia contra Antônio Pereira Júnior, anexados os prints dos diálogos.. A grande preocupação da modelo é ter suas fotos íntimas e totalmente nua, com seu rosto, divulgadas e vendidas por sites pornográficos internacionais. Sem contar o não recebimento por trabalhos já realizados pela GRUA. Na denúncia, ela formaliza que fotos nuas são tiradas até de modelos menores de idade, a partir dos 16 anos.

A reportagem teve acesso à denúncia na DEAM, onde foi constatado que já existe outra denúncia relatando a mesma situação vivida pelas jovens em questão, por outra modelo.

A reportagem tentou entrar em contato com o fotógrafo, mas as duas redes sociais da Grua são privadas, não permitindo uma mensagem no direct. O Blog da Zuleika está à disposição para sua defesa. Esta reportagem foi publicada a bem do interesse público e se novas denúncias surgirem é importante para a juntada de processo das modelos em questão. o disque-denúncia da PCDF é o 197. Seu sigilo e identificação serão preservados.

zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

BRB Mobilidade orienta sobre procedimentos para o Passe Livre Estudantil

A relação com os dados dos estudantes regularmente matriculados deve ser repassada mensalmente ao BRB Mobilidade pelas instituições de ensino para a manutenção do...

Policiais da 8ª DP da Estrutural prendem homem que enganou família para abusar de menina com 4 anos

Na última sexta-feira (16/02/24), policiais da 8ª DP prenderam em flagrante umhomem de 45 anos pelo crime de estupro de vulnerável, tendo como vítima...

Zoo Experiência oferece mais 120 vagas para 6 e 7 de março

Participantes devem fazer a inscrição pelo formulário e escolher roteiro da visita O Zoológico de Brasília abriu120 vagas para o Projeto Zoo Experiência. Esta iniciativa,...

Iniciativa que reúne advogadas pretas premiará as melhores profissionais de 2023

No Best Sisters In Law 115 finalistas concorrem a 18 prêmios, divididos por categorias O maior grupo de advogadas pretas do Brasil vai premiar as...

Segurança que matou cliente na porta de bar do Guará II é preso

Marciel de Sousa Barros estava foragido desde a terça-feira passada (13/2), dia do assassinato. Ele foi detido depois de se apresentar na delegacia Marciel de...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido