29.5 C
Brasília

DICAS NA BLACK FRIDAY

Data:

Compartilhe:

Por ILDECER AMORIM

Nesta sexta-feira (29) tem início a “Black Friday”, período de promoções que antecedem o Natal e, é muito aguardado pelos consumidores e pelo comércio varejista. Porém, é necessário atenção aos riscos de golpes.

Ildecer: Não se deixe levar por ofertas tentadoras, principalmente pela internet, tudo precisa ser verificado e comprovado.

Pensando nisso, trouxemos para os leitores, algumas dicas e alertas:

1 – Pesquisar o preço dos produtos que deseja comprar antes do período da “Black Friday” para que possa avaliar a variação do preço promocional e se os descontos ofertados valem a pena. Existem sites que fazem essa comparação como o Zoom.

www.natura.com.br/consultoria/soniamachado

2 – Consultar as lojas virtuais que aderiram ao Selo Black Friday Legal, que é concedido pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net), e informa as empresas que se comprometeram a respeitar o consumidor, com ofertas reais, e foram aprovadas no processo de avaliação da entidade. 

3 – Pesquisar no site da empresa informações básicas, tais como, nome empresarial, CNPJ/CPF, endereço físico e eletrônico e outras informações que facilitem o contato com o fornecedor. Consultar a Receita Federal, também é uma boa dica.

4 – Identificar a segurança do site da loja virtual, se possui conexões seguras para proteção dos dados do consumidor. Verificar a presença do “https” no início do endereço eletrônico, e a presença do cadeado ativado indicando que o site é seguro.

5 – Se informar sobre idoneidade da empresa, é importante.  A internet oferece ferramentas para a busca. Saber sobre entregas, preços e qualidade dos produtos recebidos. As experiências de amigos e familiares sobre o modo de atuação da empresa, também ajudam.

6 – Fornecer os dados bancários apenas a sites que possuam certificado de segurança. Evitar pagamentos ou compras por meio de computadores de terceiros ou redes Wi-Fi públicas.

7 – Não abrir links enviados por e-mail não solicitado que levam a sites fraudulentos ou a instalação de malware nos computadores ou dispositivos móveis. O malware é um programa ´impostor´ que causa danos, alterações ou roubo de informações.

8 – Não comprar por impulso e evitar o super endividamento na aquisição de qualquer produto.

9 – Se desistir da compra, pode fazê-lo, sem nenhum ônus, no prazo de sete dias corridos, a contar da data do recebimento do produto.

10 – Guardar todos os registros de compra, notas fiscais, e-mails, protocolos de atendimento, códigos de localização, prints de tela, oferta, e tudo que comprove o negócio.

Boas compras!

Esta é uma loja física que está instalada no Guará há aproximadamente uma década

*Ildecer Amorim é advogada especialista em direito do consumidor

zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

Plano de Arborização é lançado no Guará pelo governador Ibaneis Rocha

Lançado na manhã deste sábado (24) pelo governador Ibaneis Rocha, plano ambiental teve início pelas quadras QEs 48 a 52 do Guará II O Governo...

Veículo roubado no Guará I foi recuperado pela PMDF na Estrutural

Os bandidos não tiveram tempo de desfrutar do produto do roubo que realizaram no Guará, na última sexta-feira, 23/02. A operação conjunta entre...

Novo pavilhão de salas de aula no Guará em fase de conclusão das obras

Fui ver, de perto, as novas instalações que estão sendo construídas dentro da Escola Classe 08, localizada na entrequadra 28/30, com início das aulas...

Programa Fábrica Social tem inscrições abertas até 13 de março

Podem participar jovens a partir de 16 anos que comprovem algumas condições, como renda familiar per capita de até R$ 200 Por meio da Secretaria...

Fluminense: derrota merecida

Por Raimundo Ribeiro O Fluminense subiu o morro para enfrentar a LDU, no primeiro jogo valendo o título da recopa sul americana.Ainda se adaptando a...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido