22.5 C
Brasília

Nas águas sempre é Tempo de Plantar no Guará

Data:

Compartilhe:

Por Simone Vaz

No último domingo, dia 07/02/ 2021, o Comitê de Plantio Tempo de Plantar Guará promoveu mais uma ação ambiental para regeneração do Cerrado com espécies nativas, controle de pragas (formigas) e colocação dos tutores (estacas) no Parque Ecológico Ezechias Heringer. Na ocasião, também aconteceu uma homenagem aos Engenheiros Ambientais, comemorado no dia 31 de janeiro. Foram plantadas 200 mudas do Cerrado, com a participação de 30 voluntários, compostos pelos grupos ambientais da Sapeg, Clube de Serviço Lions Clube Guará Gov. Almir, comunidade e Associação dos Engenheiros Ambientais e Sanitaristas do Distrito Federal – AEAS DF.

Duas gerações: Amparo Silva, nossa líder comunitária da QE19 e sua netinha Valentina Borges

Amparo Silva levou 10 lindas mudas de Ipê Amarelo que ela germinou em sua casa, próxima do Ezechias, e trouxe sua neta  para viver a experiência de plantar uma árvore. Os plantios ocorrem mediante autorização do Instituto Brasília Ambiental – IBRAM, que foi acionado pela organização do evento e autorizou o plantio no Parque Ecológico Ezechias Heringer, por ser Unidade de Conservação de Proteção Integral. A Administração Regional do Guará nos apoiou com a abertura dos berços, disponibilizando a mão de obra. Sempre grata!!!!!!!!!

A Sorveteria Nosso Sabor, nascida no Guará e sucesso em todo DF, contribuindo com o Tempo de Plantar

A AEAS DF conseguiu 30 mudas com o apoio do Professor Rayton, eng ambiental e de segurança do trabalho, por meio da doação da empresa Progaia Engenharia e Meio Ambiente. Sendo que as negociações ocorreram por intermédio da eng ambiental e civil Liane de Moura Fernandes Costa, atual Vice-Presidente da AEAS DF, também Presidente em Exercício da Federação das Associações de Engenharia Ambiental e Sanitária – FNE. “A mobilização social em prol da melhoria ambiental das cidades aproxima pessoas, promove um sentimento de pertencimento e, consequente, vontade de cuidar daquilo que ajudou a fazer, além melhorar a qualidade de vida da comunidade”, acredita a engenheira Liane.

O jornalista Luciano Lima e a esposa Mônica Penna, moradores da QE36, frequentadores assíduos do Ezechias ,participaram do plantio

O engenheiro ambiental Marcelus Oliveira de Jesus, uns dos coordenadores do grupo fala  que o plantio de árvores é uma das principais formas  para combater o aquecimento global. Elas “sequestram” o CO2 (dióxido de carbono) e refrescam a atmosfera. O plantio de árvores é uma das alternativas mais simples e benéficas para reverter os impactos ambientais já causados pelo homem na natureza. Elas também garantem a descontaminação da atmosfera, nutrição para plantações e oferecem sombra. Considere que muitas cidades recebem indicações de “melhor lugar para se viver” devido à grande quantidade de ruas e locais arborizados. Assim como nossa cidade Brasília que tem um dos grande índice de arborização do país”, diz entusiasmado.

Já para o presidente da SAPEG, professor Adolpho Fuíca, as atividades de educação ambiental dentro do parque ecológico é de suma importância, e estão paralisadas desde o início da pandemia da Covid-19. “A  SAPEG foi uma instituição que nasceu em 1995; foram feitos os primeiros berços em 1997; depois com o Plano Diretor do Metrô, que adentrou no Ezechias Heringer,  mais um plantio com 30 mil mudas sendo uma das compensações ambientais. A SAPEG vem trabalhando com educação ambiental há mais de 20 anos dentro do parque ecológico. Em 2019, antes da pandemia foram beneficiados mais de 600 alunos de escolas públicas para fazer atividades, monitoradas por mim. Em um só dia chegou a atender 200 alunos de manhã e mais 200 alunos na parte da tarde, crianças do ensino especial e infantil, onde dividiram em seis oficinas foi um show de atividades e conhecimentos para o jovens” relata Fuíca.

O plantio teve início às 8 horas e contou com um lanche comunitário, o qual houve doação de alimentos pelos voluntários participantes. Logo após o plantio, a Sorveteria Nosso Sabor enviou um carrinho com picolés, deixando a turma feliz e refrescada.

*Simone Vaz é ambientalista voluntária do Tempo de Plantar e funcionária pública da Secretaria do Trabalho do Distrito Federal

ReplyReply allForward
publicidade
zuleika

Quem é Zuleika Lopes

1

━ Relacionadas

Metrô-DF suspende operação em Ceilândia para troca de trilhos no próximo domingo (21)

A substituição é necessária devido ao desgaste natural que ocorre com o tempo, em virtude do contato entre as rodas do trem e o...

Taguatinga será palco da final do XXIV Circuito de Quadrilhas Juninas do Distrito Federal e Entorno

Última etapa define representante do DF no Concurso Nacional de Quadrilhas no Estádio Serejão A cidade de Taguatinga se prepara para receber a 4ª e...

PMDF prende homem com várias passagens com moto adulterada no Guará II

Um homem, com diversas passagens, foi preso conduzindo uma motocicleta com sinais de identificação adulterados após abordagem no conjunto M da QE 40 no...

Férias escolares: Zoo Brasília orienta público sobre ações de prevenção de carrapatos

A Fundação Jardim Zoológico de Brasília (FJZB) possui uma grande área verde de visitação e faz divisa com área de preservação ambiental, como o Santuário...

CCBB traz para Brasília a Mostra Carroça de Mamulengos: três gerações de Arte Brincante

De 18 de julho a 04 de agosto, com apresentação de espetáculos históricos do repertório e atividades formativas O CCBB Brasília traz ao público a...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

error: Conteúdo protegido